sábado, 13 de junho de 2009

Contradições do Acordo Ortográfico


ABL RESPONDE

Pergunta: O Volp, na primeira parte, seção "Nota Explicativa", página LII, item 7, manda escrever "azeite-de-dendê", "bálsamo-do-canadá" e "água-de-coco", com hífen. Mais adiante, na segunda parte, registra: na página 95, "azeite de dendê", sem hífen, na página 102, "bálsamo do canadá", sem hífen, e, na página 31, "água de coco", sem hífen. Quais páginas do Volp devemos seguir?
Resposta: As notas explicativas, com o hífen, é que estão corretas. Esse erro de revisão já foi detectado e será corrigido na próxima edição do VOLP.
Erro de revisão?


Pergunta: Por que "pé-de-meia" tem hífen e "pé de moleque" não? Por que "água de cheiro" não tem hífen e "água-de-colônia" tem?
Resposta: As locuções perderam o hífen, mas pé-de-meia e água-de-colônia são exceções à regra, assim como arco-da-velha, cor-de-rosa, mais-que-perfeito, ao deus-dará e à queima-roupa.
Por quê?

Um comentário:

  1. É horrível isso. Eles fogem de responder. Fico com vergonha alheia.

    Abraço,

    Pablo
    http://cadeorevisor.wordpress.com

    ResponderExcluir